Ocorreu um erro neste gadget

domingo, 25 de outubro de 2009

Finalmente eles os gatos - Quem veio primeiro Madame ou Miche

Depois de me recuperar um pouco do estress gerado pela bendita faculdade resolvi escrever e dessa vez vai ser uma leva só para dois.
Era uma vez ...uma menininha louca por gatos, já tinhamos a Biba e o Panda mais isso nao bastava, ela não podia ver um bigode no meio da rua que lá ia ela mexer com ele. Quando viajavamos para minha mae ela passava o tempo todo com a gata da minha mãe no colo. Com o passar do tempo resolvemos tornar seu sonho realidade mas o sonho do meu maridovisk era um persa, então fomos adiando um pouquinho...ah, ela não sabia da nossas ideias então era facil deixar sempre para depois.
Um belo dia ao chegar em casa depois de buscar a minha filhota no curso tive um susto, após abrir a janela um gatão sem o menor pudor se atirou janela adentro nos braços da minha filha num ronronar só.
Fiquei preocupada ela se apaixonou na hora mas o que o maridovisk diria ? Mesmo contrariando os meus principios coloquei-o para fora, assim que o maridovisk chegou fui encontra-lo e contar a novidade, ele não perdeu tempo foi até o quarto da minha filhota e quem ainda estava na janela? Ele, o gatão que novamente não se fez de rogado e pulou pela janela assim que a abrimos. Pois é ele passou a noite conosco mais exatamente nas costas do maridovisk ronronando interminavelmente mas no dia seguinte...
...Depois de levar a filhota para o curso comprei ração e alimentei o gato que estava faminto, após comer ele pediu para sair, e eu deixei, e ele não voltou.
A frustação da minha filha foi terrível, ela achou que eu tinha colocado-o para fora, eu disse que não podia segura-lo, que pelo carinho com humanos e forma como ele comeu ração ele devia ter dono, ela continuou tristissima mas acredito que as coisas não acontecessem por acaso, conversando com a minha irmã ela me disse que havia resgatado uma gatinha aquela semana e que não poderia ficar com mais um (ela ja tinha 5), falei com o maridovisk e ele surpreendentemente concordou na primeira deixando a idéia do "persa" de lado.
Alguns dias depois Madame já estava em casa super brincalhona, meio magrela como toda criança de rua mas um  amor.
Pois é, nada realmente é por acaso, naquele dia recebemos uma visita e apresentamos a Madame foi então que o maridovisk profetizou (essa familia é um problema sério tem vários profetas):
─ Eu adorei a gatinha mas se aquele gato voltasse eu também ficaria com ele.
Como nas historias do Harry Potter assim que a visita se foi ouvimos um miado, num passe de mágica o gatão voltou e não foi mais embora.

 A Madame Norra e a escama de tartaruga o branco e marrom e o Miche (Michelangelo para os menos intimos).
Obs: Ao ver cenas como esta o meu maridovisk diz que ainda vai nascer gato.

6 comentários:

Gata Lili disse...

que legal! tudo tem seu tempo, né? gostei da história e mais ainda do final feliz! miaaauuu...

Carol Liôa disse...

lindo amiga!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
final feliz é tudo d bom!^^

Carol Liôa disse...

tem selinho novo! bjs

Gisa disse...

Eu acredito em destino; todos nossos filhotes nos foram trazidos por ele e, pelo jeito, os teus também. Linda a história de Madame Norra e Michelangelo! Beijos

Gisa disse...

Oi! Tem uma brincadeirinha para ti lá no blog! Beijos

Theófila disse...

Oláa!!!

Amei o blog! Amei a história!
E anei seus miaus, especialmente o Michelangelo! Lindo de viver!

Obg pela visita e pelo comentário! Volte sempre!
Bj mil