Ocorreu um erro neste gadget

terça-feira, 16 de março de 2010

Gato com “asas” é visto em cidade chinesa

Gato com “asas” é visto em cidade chinesa
16 de março de 2010

Um gato siamês chamou a atenção na cidade de Chongqing, na China, após ganhar uma espécie de asas, que começaram a crescer em cada lado de sua coluna quando ele tinha apenas um ano de idade, segundo o jornal inglês Daily Mail. Especialistas em felinos ainda não sabem o que provocou a mutação.



Gatos com asas são uma realidade, mas os apêndices não são asas de verdade. Como muitos podem imaginar, algumas “asas” são apenas bolos de pelo, ou malformações congênitas — isto é, os felinos nascem com membros a mais. Nada disso seria muito interessante, o que é interessante é que a terceira explicação para gatos alados é uma condição chamada astenia cutânea felina (FCA), ligada inicialmente ao fenômeno dos gatos com asas pelo inglês Karl Shuker.





A condição, que tem uma contra parte em humanos, faz com que a pele se torne extremamente elástica, como borracha. Ela pode acabar se esticando em longos apêndices, e em gatos, os apêndices de pele – sempre surgindo ao redor das costas – podem manter alguma ligação com músculos. Quando os gatos correm, podem gerar a cena inusitada de felinos batendo suas “asas”.





Neste outro caso, o chinês Granny Feng achou que as "asas" fossem apenas caroços, mas depois de um mês os ossos cresceram e os membros ficaram parecendo duas asas.

Se estendidas demais, as “asas” dos gatos podem se desprender, sem sangramento ou dor ao bichano, e seu aspecto é como de uma fibra dura de cartão, o que pode ter levado o chinês Feng a pensar que tinha ossos. Abaixo, fotografia de um caso inglês dos anos 1970:



informações G1



Que estranho eu nunca imaginei algo assim, pesquisei no google mas as fotos dos gatos são sempre as mesmas.

Nenhum comentário: